Encare a realidade: não há glamour em emagrecimento

A seção de saúde da CNN na internet mostra hoje o caso real de Tony Posnanski, que emagreceu 90,6 kg em dois anos.

Ele não utilizou pílulas dietéticas, batidas, desintoxicantes, nem alimento dos homens das cavernas, nem Twinkies (que o professor de nutrição usou; veja artigo anterior), nem muito menos junk ou fast food (as chamadas porcarias, lixo, ou comida rápida).

Ele usou uma regra básica: comer menos e movimentar-se mais.

Comer menos significou reduzir a ingestão de calorias diárias de 10.000 para 2.400. E uma coisa muito importante: ele parou de ingerir alimentos processados, e passou a comer frutas, verduras e carnes magras.

Ou seja, uma alimentação sem glamour, sem estrelismo, sem truques, simplesmente seguindo a lição básica de nossos pais, avós ou nutricionistas: coma verdura, crianças!

Trabalho duro, que garante sucesso a longo prazo.

Continuar lendo Encare a realidade: não há glamour em emagrecimento

Estudo aponta prática de exercício como sendo capaz de anular o gene da obesidade

Há um par de dias meu amigo enviou o link para um artigo entitulado “Prática de exercício pode anular gene da obesidade, diz estudo“. Em resumo, o estudo sugere que há uma forte relação entre um gene chamado FTO e a massa corporal dos indivíduos; aqueles que carregam duas cópias do FTO estão mais propensos a se tornarem obesos. Sugiro que leiam o artigo, pois o método do estudo é bastante interessante.

Continuar lendo Estudo aponta prática de exercício como sendo capaz de anular o gene da obesidade